LÍRIOS

Uma observação autobiográfica da performance de gênero

Autores

  • Yuri Martins Universidade Federal de Goiás

Palavras-chave:

Fotoperformance, Gênero, Performance

Resumo

Lírios” é um conjunto de fotoperformances autobiográficas que brincam com a fluidez e dinamicidade do gênero. Por meio de colagens e um corpo presente, mescla instrumentos visuais que resgatam o imaginário de um ser múltiplo, cuja função principal é não ser encontrado em qualquer padrão hegemônico de performatividade. Subdividido em três obras, o ensaio dialoga com o nascimento de um corpo periférico e deslocado, perpassa pela sagração de uma existência multiforme e, por fim, procura discutir a quebra de expectativas de uma sociedade necropolítica pautada em uma ideologia de gênero quadrada e descabível. “Lírios” é masculino, feminino e qualquer outra concepção de gênero que possa existir, distanciando-se da convicção patriarcal de que corpos dissidentes devem estar atrelados à uma única possibilidade de performance, aquela que é sentenciada pelo Estado em nosso nascimento.

Downloads

Publicado

2021-12-25

Edição

Seção

´Poéticas Visuais